Boletim eletrônico Nº 637  Ano XIII - 31 de março a 7 de abril de 2017.

institutobrasileirodemuseus

www.museus.gov.br

---

Acaba no domingo (2) prazo para inscrição de trabalhos no 7º FNM

O Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) recebe inscrições de trabalhos para as Comunicações Coordenadas do 7º Fórum Nacional de Museus (FNM) até o dia 2 de abril (domingo).

Resumos de pesquisas, relatos de experiências, em desenvolvimento ou já finalizadas, acadêmicos ou não, podem ser inscritos. No total, serão selecionados 18 trabalhos na modalidade Apresentação Oral e 30 trabalhos na modalidade Pôster.

Cada candidato pode inscrever, no máximo, um trabalho como autor e um como co-autor, independente da modalidade escolhida. Não serão aceitos trabalhos já apresentados em edições anteriores do FNM. Acesse o edital e seus anexos.

Dúvidas e outras questões podem ser enviadas para o endereço eletrônico comunicacoes.coordenadas@museus.gov.br.

Sobre o 7º FNM
Programado para acontecer entre os dias 30 de maio e 4 de junho na cidade de Porto Alegre (RS), o 7º Fórum Nacional de Museus tem como  as Recomendações Unesco 2015 para a Proteção e Promoção do Patrimônio Museológico e Coleções. Conheça o documento.

Organizado pelo Ibram, o FNM tem por objetivo refletir, avaliar e delinear diretrizes para a Política Nacional de Museus, além de consolidar as bases para a implantação de um modelo de gestão integrada dos museus brasileiros, representado pelo Sistema Brasileiro de Museus.

Constitui-se ainda como um espaço fundamental para intercâmbio de experiências entre comunidade museológica, sociedade civil, instituições de ensino superior, museus e órgãos de gestão museológica federais, estaduais e municipais.

Palestras, oficinas, grupos de trabalho, debates, entre outras atividades, compõem a programação. Saiba mais.

---

Votação pela internet definirá identidade visual do Fórum Nacional de Museus

6FNM_ Belem2014

A partir de segunda (3) qualquer pessoa poderá votar pela internet para definir a identidade visual do 7º Fórum Nacional de Museus (FNM).

Promovido pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), o evento nacional está programado para acontecer entre os dias 30 de maio e 4 de junho em Porto Alegre (RS) – cidade escolhida pelos participantes no 6º FNM em Belém (PA) em 2014 (foto).

Após edital do Ibram, museus da capital gaúcha enviaram 12 imagens de peças de acervo para concorrer à seleção.

O presidente do Ibram, Marcelo Araujo, o curador e gestor cultural gaúcho Cezar Prestes e dois representantes de áreas técnicas do instituto formaram a comissão de seleção que optou por cinco imagens.

De uma vista de Porto Alegre no século XIX a pinturas de Iberê Camargo (1914-1994), as imagens pertencem ao Memorial da Câmara Municipal de Porto Alegre, ao Museu de Porto Alegre Joaquim Felizardo e à Fundação Iberê Camargo. Confira as imagens selecionadas.

agora será a vez do público escolher a melhor delas. Apenas uma imagem poderá ser votada. A escolhida poderá ser adaptada às necessidades das peças que integram a identidade visual do evento. A enquete ficará disponível no portal do Ibram até o dia 13 de abril.

Sobre o FNM
O Fórum Nacional de Museus reúne os diversos atores da área de museus do Brasil. Palestras, oficinas, grupos de trabalho, debates, entre outras atividades, compõem a programação. Saiba mais.

A cada edição, uma cidade brasileira é escolhida para sediar o FNM. Esta será a segunda vez que a região Sul recebe o evento: em 2008, Florianópolis (SC) sediou o 3º FNM.

---

Nova Instrução Normativa da Lei Rouanet contempla a área de museus

LeiRouanet_Logo

O Ministério da Cultura (MinC) publicou na última semana, no Diário Oficial da União, a Instrução Normativa (IN) nº 1, de 20 de março, que estabelece novos procedimentos para apresentação, recebimento, análise, aprovação, execução, acompanhamento, prestação de contas e avaliação de resultados de projetos culturais no Programa Nacional de Apoio à Cultura – mais conhecido como Lei Rouanet.

A nova IN, que substitui a publicada em 2013, visa estimular o fomento da área cultural de forma mais descentralizada, garantindo a democratização do acesso aos recursos do incentivo fiscal e aos produtos culturais oriundos dos projetos apoiados.

Estabelece ainda medidas para estimular a captação e a distribuição regional de projetos. Para a área de museus houve alterações importantes.

Saiba o que muda
A inclusão do segmento cultural Museus e Memória visa atender o setor quanto as suas especificidades, permitindo identificar a demanda e a oferta de investimentos na área e um melhor entendimento sobre o enquadramento das ações no artigo 18 da Lei Rouanet - que permite ao patrocinador deduzir 100% do valor investido.

Os novos limites estabelecidos para apresentação de projetos não se aplicam aos da área museológica, assim como aos Planos Anuais e Bienais de Atividades.

Outro importante passo para a área foi a obrigatoriedade de apresentação do Plano Museológico para projetos que pleiteiam recursos para a criação de novos museus. Conheça as principais mudanças na Lei Rouanet e acesse a nova Instrução Normativa na íntegra.

Tendo em vista os ajustes necessários no sistema de tecnologia e processos de admissão de propostas com a publicação da nova Instrução, o Sistema de Apoio às Leis de Incentivo à Cultura (NovoSalic) está fechado até 10 de abril para o cadastramento de novas propostas. Para os projetos já em execução, o sistema funcionará normalmente. Saiba mais na página do Ministério da Cultura.

---

Ibram lança chamada para parcerias com foco em aplicativos para eventos

Até o dia 7 de abril, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) recebe propostas para parcerias, sem repasse de recursos financeiros, com serviços e produtos de empresas privadas atuantes na área de aplicativos (apps) para dispositivos móveis (celulares e tabletes).

O intuito é auxiliar na promoção e divulgação dos eventos coordenados pelo Ibram – como Fórum Nacional de Museus, Semana de Museus e Primavera dos Museus.

A utilização dos apps reforçará a interação entre a organização e os públicos-alvo dos eventos, melhorando a experiência dos usuários com os conteúdos e reduzindo ainda gastos com materiais impressos.

Uma ou mais empresas poderão ser parcerias, atendendo igualmente o escopo das ações de promoção dos eventos e ações do Ibram.

Cada empresa deverá desenvolver aplicativo a partir de conteúdo especialmente elaborado para a ação ou evento. Além de fornecer o aplicativo, com suporte técnico no período de realização do evento, deverá ainda prover orientações de uso ao público.

Como contrapartida será feita a inclusão das logomarcas das empresas parceiras como Apoio no material de divulgação e promoção de cada ação ou evento. Acesse a chamada e confira os requisitos mínimos para os aplicativos.

As empresas interessadas deverão entrar em contato como o Ibram pelo telefone (61) 3521.4142 ou pelo e-mail cpgii@museus.gov.br.

---

FVA 2016: último mês para o envio de dados pelos museus

FVA

O Formulário de Visitação Anual (FVA) 2016 continua aberto para que os museus enviem ao Ibram os dados de visitação do ano passado. O FVA é um instrumento exclusivamente online e está disponível para preenchimento no site do Instituto até 28 de abril.

Desenvolvido pelo Instituto Brasileiro de Museus, o procedimento atende à Resolução Normativa N° 3, de 19 de novembro de 2014, que dispõe sobre a regulamentação de dispositivos do Decreto nº 8.124/2013 quanto à obrigatoriedade do envio do quantitativo anual de visitação dos museus.

Dados estratégicos
A coleta e o envio ao Ibram de dados anuais sobre visitação são considerados estratégicos para o desenvolvimento do setor de museus.

Além de aferir o fluxo de visitação, a contagem de público pode indicar a necessidade de adequação dos serviços oferecidos e a ampliação da ação educativa.

É também essencial para o acompanhamento e o monitoramento de diretrizes, estratégias, ações e metas estabelecidas em políticas públicas, como as que constam no Plano Nacional de Cultura, Estatuto dos Museus e Plano Nacional Setorial de Museus. Saiba mais sobre Formulário de Visitação Anual.

---

Museu da Inconfidência inaugura mostra sobre a influência chinesa no barroco mineiro

31.03 op

O Museu da Inconfidência/Ibram, em Ouro Preto (MG) inaugura nesta sexta-feira (31) a mostra Barroco X Chinesice – A influência chinesa no Barroco Mineiro – Fotografias e Objetos. A Sala Manoel da Costa Athaide, Anexo I, receberá objetos do acervo e de coleções particulares, bem como fotografias do mineiro Eduardo Tropia, com o objetivo de analisar a presença da China no Brasil por meio de diferentes manifestações artísticas, entre fins do século XVI a início do século XIX, período em que o Barroco estampava os retábulos sacros, as pinturas, as esculturas e o mobiliário, revelando costumes da vida social de uma “elite” conduzida pelo comércio colonial português.

Os elementos decorativos de origem chinesa observados em diversas igrejas de Minas Gerais, como Ouro Preto, Ouro Branco, Sabará e Tiradentes, inspiraram o processo criativo de Tropia, que utilizou a sobreposição de imagens em uma proposta contemporânea, colocando em destaque os motivos orientais manifestados nas suas fotografias. Em 2016, um dos principais trabalhos que integram a mostra, que utiliza a imagem da Igreja de Santa Efigênia de Ouro Preto como suporte, representou o Brasil na 6th Jinan International Photography, bienal de fotografia da China, com o tema O retorno à sabedoria oriental. A visitação é gratuita e ocorrerá de terça a domingo, das 10 às 18h, até o dia 30 de abril.

---

Anais do Museu Histórico Nacional abre chamada para envio de artigos

O Museu Histórico Nacional/Ibram abriu chamada pública para envio de artigos para o dossiê “Cinema, Games eMuseus: meios, usos e mediações dos Acervos Históricos na Era dasAudiovisualidades”.

O dossiê publicará trabalhos que reflitam sobre as relações entre história, cinema, games e museus na constituição das interfaces, interdisciplinaridades e especificidades dos meios, usos e mediações relacionados a acervos históricos na Era das Audiovisualidades.

Os artigos devem ser enviados por e-mail para anaismhn@gmail.com até 29 de junho de 2017. O edital está disponível aqui. 

 

 

Agenda

Toques de Midas: etnografias de arenas patrimoniais entre Ásia e Europa

O quê: Palestra com a professora Profa. Dra. Ema Pires, da Universidade de Évora, Portugal promovida pelo Curso de Museologia da UFG, o NEAP (Núcleo de Estudos de Antropologia, Patrimônio, Memória e Expressões Museais) e o GEMINTER (Grupo de Estudo e Pesquisa em Museologia e Interdisciplinaridade).
Quando: 07 de abril às 19h30
Onde: Sala CS2 do Prédio da Faculdade de História, Campus Samambaia daa UFG (Goiânia/GO)
Informações: https://www.historia.ufg.br/

---

Arte no Brasil: uma história na Pinacoteca São Paulo

O quê: A nova exposição de longa duração do museu, que substitui exposição inaugurada em 1998, oferece ao público uma leitura da formação da visualidade artística e da constituição de um sistema de arte no Brasil do período colonial até meados dos anos 1930, centrada nas obras que compõem o acervo da Pinacoteca. São exibidas 500 obras, entre pinturas, esculturas, desenhos, gravuras e fotografias, de autoria de artistas fundamentais para a história da arte brasileira daquele período, como Debret, Taunay, Facchinetti, Almeida Junior, Eliseu Visconti, Pedro Alexandrino, Candido Portinari, Lasar Segall, entre outros.
Quando: Exposição de longa duração.
Onde: Pinacoteca do Estado de São Paulo (Praça da Luz, 2 | São Paulo - SP)
Informações: (11) 3324 1000 | pinacoteca.org.br

 

 

Cursos e oficinas

I Jornada de Museologia Social do Rio de Janeiro: Questões Contemporâneas

O quê: O encontro vai abordar a temática “Museu e Escravidão: Patrimônio, Memória e Museologia Social”, trazendo em conferências e mesas redondas a participação de pesquisadores, profissionais do campo museal e atores sociais relacionados à questão.
Quando: Dias 7 e 8/4. Inscrições por telefone ou site (veja abaixo).
Onde: Museu Vivo do São Bento (Rua Benjamin da Rocha Junior, s/n - São Bento | Duque de Caxias - RJ)
Informações: (21) 2653 7681 | www.museuvivodosaobento.com.br

---

Perspectivas em conservação preventiva

O quê: Com o tema "Patrimônio do século XX - O desafio para a conservação de acervos arquitetônicos de instituição de saúde", a palestra de abertura da série será ministrada por Renato da Gama-Rosa Costa, pesquisador e professor da Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz
Quando: Dia 6/4, às 17h. Entrada gratuita.
Onde: Fundação Casa de Rui Barbosa (Rua São Clemente, 134 - Botafogo | Rio de Janeiro - RJ)
Informações: (21) 3289 8676 | www.casaruibarbosa.gov.br

---

Arte no Brasil: uma história na Pinacoteca São Paulo

O quê: A nova exposição de longa duração do museu, que substitui exposição inaugurada em 1998, oferece ao público uma leitura da formação da visualidade artística e da constituição de um sistema de arte no Brasil do período colonial até meados dos anos 1930, centrada nas obras que compõem o acervo da Pinacoteca. São exibidas 500 obras, entre pinturas, esculturas, desenhos, gravuras e fotografias, de autoria de artistas fundamentais para a história da arte brasileira daquele período, como Debret, Taunay, Facchinetti, Almeida Junior, Eliseu Visconti, Pedro Alexandrino, Candido Portinari, Lasar Segall, entre outros.
Quando: Exposição de longa duração.
Onde: Pinacoteca do Estado de São Paulo (Praça da Luz, 2 | São Paulo - SP)
Informações: (11) 3324 1000 | pinacoteca.org.br

---

Introdução à conservação de têxteis

O quê: Minsitrado pela Dra. Teresa Cristina Toledo de Paula, o curso será oferecido como parte da programação da Semana Nacional de Museus 2017. O Museu Republicano "Convenção de Itu" é extensão do Museu Paulista da Universidade de São Paulo.
Quando: De 15 a 18/5, das 9h às 17h. Gratuito (inscrições via e-mail).
Onde: Museu Republicano (Rua Barão de Itaim, 140 - Centro | Itu - SP)
Informações: (11) 4023 0240, ramal 3 | cursosmp@usp.br