Boletim eletrônico Nº 644  Ano XIII - 19 a 26 de maio de 2017.

institutobrasileirodemuseus

www.museus.gov.br

---

Experiências de museus do RS serão apresentadas no 7º FNM

MuseusTerritorio_Divulgacao

Os museus gaúchos têm lugar garantido no 7º Fórum Nacional de Museus (FNM). Diferentes experiências regionais (cases) de instituições e profissionais da área de museus no Rio Grande do Sul (RS) serão apresentadas durante o FNM 2017.

O Museu do Pão, localizado na cidade de Ilópolis, foi inaugurado em 2008 e tem foco na memória da cultura do pão trazida por imigrantes italianos. A apresentação será feita por Ismael Rosset, diretor do museu.

O Museu do Sport Club Internacional, o “Museu do Inter”, será apresentado pela sua gerente geral, Mariana Rutenberg. O museu apresenta documentos históricos da trajetória do time porto-alegrense de 1909 até hoje.

De Caxias do Sul, a museóloga e curadora Tânia Tonet traz a experiência do Museu de Território (foto), que lida com conceitos de exposição e ambiência com o objetivo de valorizar o patrimônio cultural da região e envolver a comunidade.

O Museu do Doce, em Pelotas, tem como missão salvaguardar os suportes de memória da tradição doceira da região. O case será apresentado por Carla Gastaud, diretora Pró-tempore do museu.

Meio ambiente e cultura afro-brasileira
O projeto Territórios Negros: afro-brasileiros em Porto Alegre será o tema de Leonardo Rosa, coordenador da iniciativa da Companhia Carris. O projeto busca valorizar a história da população afro-brasileira na capital gaúcha por meio de um circuito urbano.

O projeto Museu das Ilhas, localizado em área de preservação ambiental em Porto Alegre, o ecomuseu se propõe a registrar o patrimônio cultural da comunidade. A apresentação será feita pela diretora do museu, Terezinha Carvalho.

De Santa Maria, João Heitor da Silva Macedo, coordenador do Núcleo de Acervos e Exposições do Museu Comunitário Treze de Maio, apresenta a iniciativa que busca integrar ações em prol da memória e da cultura negras na cidade.

O Roteiro Caminhos de Pedra tem como foco resgatar, preservar e dinamizar a cultura trazida pelos imigrantes italianos à serra gaúcha a partir de 1875. Maristela Pastorello Lerin, que integra a diretoria da associação, apresenta o case.

Já o Coletivo Afetivo de Mulheres do Campo da Museologia será apresentado por Marcelle Pereira, integrante do grupo. A proposta reúne mulheres do campo da museologia no Brasil.

Os cases serão apresentados na sessão Painéis do 7º FNM entre os dias 31 de maio e 2 de junho, a partir das 10h. Confira a programação completa.

O 7º Fórum Nacional de Museus, organizado pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram), acontece no Centro de Eventos da PUC-RS, em Porto Alegre, entre os dias 30 de maio e 4 de junho de 2017. As inscrições online estão abertas até o dia 26 de maio.

---

15ª Semana de Museus vai até domingo (21)

Colecao Grondona Alegoria a virtude

A 15ª Semana de Museus acaba oficialmente neste domingo (21), mas ainda há uma série de atividades acontecendo em todo o país. Diversas exposições programadas para a temporada de evento seguem em exibição e podem ser encontradas no Guia da Programação.

No Museu Nacional de Belas Artes/Ibram, no Rio de Janeiro, quatro mostras estão em cartaz: Ver e Sentir, de Suzana Queiroga, Esquecimentos e Lembranças: a Coleção Grondona e a Pintura Genovesa; Rossini Perez - O cubo além da forma e Memórias sobre papel, de Marcos Duprat.

Também no Rio, o Museu da Chácara do Céu/Ibram inaugurou, no dia 18 de maio, a mostra Deneir: Um Mundo Reciclado. O artista-educador que cria obras de arte a partir de materiais de descarte da vida cotidiana apresenta seus trabalhos realizados entre 1996-2017. A mostra fica em cartaz até 21 de agosto.

O Museu da Inconfidência/Ibram, em Ouro Preto, realiza no domingo (21) às 14h, a apresentação musical Histórias de contar, cantar e de brincar e, às 16h, para encerrar a programação da Semana de Museus, haverá um encontro e debate com o clube de leitura Leia Mulheres BH sobre a obra "Para educar crianças feministas", de Chimamanda Ngozi Adichie.

 

---

Programação da Semana de Museus continua no Museu Victor Meirelles

Victor em 4D_Museu Victor Meirelles

Inaugurado na quarta-feira (17) o Projeto Victor em 4D é um conjunto de exposições de média duração que tem como objetivo sugerir possíveis leituras das obras do artista pertencentes ao acervo do Museu Victor Meirelles (MVM/Ibram), em Florianópolis (SC).

A exposição está organizada em 4 módulos expositivos. Em cartaz no momento, no módulo Dimensão Estética o visitante é convidado a perceber que Victor Meirelles, ao longo de sua vida, produziu obras de arte muito diferentes, do desenho à pintura, retratos e paisagens, de pequenos estudos a grandiosas pinturas históricas. Os módulos seguintes serão Dimensão Histórica, de 18 de agosto a 11 de novembro, Dimensão Política, de 16 de novembro a 24 de fevereiro de 2018, e Dimensão Simbólica, que foi dividido em duas partes: O Legado de Victor, em 28 de fevereiro e Victor e o Tempo Presente, a ser exposto em 17 de maio de 2018.

Outra atividade programada é a oficina de arte-animação Revelar o Invisível nas Obras de Victor Meirelles. Ela acontece nos dias 22 e 29 de maio e 5 e 12 de junho e será ministrada por João Ricardo Cararo Lazaro. A oficina de arte-animação propõe um espaço de criação de narrativas baseadas nas personagens presentes na obra de Victor Meirelles.

No dia 24 de maio, em parceria com a Universidade Federal de Santa Catarina-UFSC e a Universidade do estado de Santa Catarina-Udesc, haverá a mesa-redonda Todo Dizer é Dizível: A Língua Portuguesa Como Patrimônio. O evento é o primeiro evento do Ciclo Língua Portuguesa e Arte no Museu – Colonização e Descolonização que o Museu Victor Meirelles está organizando e que terá outros três encontros ao longo deste ano. Saiba mais informações em http://museuvictormeirelles.museus.gov.br/

---

MART lança livro sobre história de Cabo Frio

mart.jpg

O Museu de Arte Religiosa e Tradicional (MART), em Cabo Frio (RJ), lança na noite desta sexta-feira (19) livro sobre a história da cidade.

Organizado pelos historiadores Flávia Maria Franchini Ribeiro e Luiz Guilherme Scaldaferri Moreira, “Cabo Frio – 400 anos de História (1615-2015)” traz uma reflexão sobre a cidade que é resultado de aproximação entre o museu e comunidade acadêmica, que contribui para o debate crítico sobre a construção histórica de sua realidade atual.

Inaugurado em 1982 nas dependências do antigo Convento Nossa Senhora dos Anjos, que começou a ser edificado em 1686, o MART é um marco histórico da colonização de Cabo Frio. Valioso exemplar da arquitetura franciscana, o museu foi tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 1957.

O Presidente do Ibram, Marcelo Araujo, participa da cerimônia de lançamento, que acontece na sede do museu a partir das 19h30 e contará com mesa-redonda com a participação dos organizadores e os autores José Francisco de Moura, Nilma Teixeira Accioli e Paulo Roberto Araújo. A versão online do livro já está disponível na página do Ibram.

 

---

Museus podem se inscrever para intercâmbio com o Reino Unido

Até 25 de junho, o British Council Brasil recebe candidaturas para programa de intercâmbio com foco na construção de conexões entre museus, instituições culturais e universidades criativas no Brasil e no Reino Unido.

A incentiva, chamada Exchange Programme, visa a colaboração por meio do intercâmbio de conhecimento e melhores práticas para o desenvolvimento do setor cultural, fornecendo recursos às instituições para promover a capacitação de profissionais e aumentar a compreensão intercultural.

Museus, universidades criativas (ou seja, faculdades em áreas como artes e setores criativos) e instituições culturais sem fins lucrativos podem participar.

As candidaturas são feitas exclusivamente em nível institucional para funcionários do quadro permanente e com um mínimo de 3 anos de experiência no setor.

Os interessados devem preencher um formulário on-line e enviar uma carta aprovada pelos gestores das duas instituições envolvidas na proposta de intercâmbio. As candidaturas devem ser enviadas em inglês.

Os contemplados desenvolverão uma residência com a instituição parceira ou universidade por um período mínimo de duas semanas até um mês. Confira o Termo de Referência na íntegra.

Outras informações e questões devem ser enviadas para o endereço eletrônico contato@britishcouncil.org.br.

---

Programa Ibermuseus apresenta a 4ª edição da Convocatória Conversaciones

Com o objetivo de fomentar a circulação de acervos e exposições de bens culturais entre países da Comunidade Ibero-americana, o Programa Ibermuseus lançou a 4ª edição da Convocatória Conversaciones. Com o tema Museus e Comunidade, o Programa busca destacar o papel social dos museus, por meio do reconhecimento da memória social como um saber e um direito expressados em projetos expositivos.

O prazo de apresentação de propostas começou em 18 de maio e vai até 18 de julho, por meio da Plataforma Convocatórias do Portal Ibermuseus. Serão selecionados dois projetos, aos quais serão concedidos US$ 30 mil para cada.

Poderão participar dessa convocatória, museus, instituições de memória, museus comunitários, museus de sítio, ecomuseus, instituições culturais de base comunitária e demais instituições afins da Comunidade Ibero-americana. Devem ser vinculadas à administração pública ou instituições privadas sem fins lucrativos que atuem no campo do resgate, valorização e preservação da memória.

A convocatória pretende incentivar o diálogo entre instituições museais de dois ou mais países ibero-americanos, sendo que um deles necessariamente deve ser integrante do Conselho Intergovernamental do Programa Ibermuseus. O objetivo é formar redes de trabalho e construir de maneira participativa, projetos expositivos de acervos baseados na memória social. Saiba mais.

 

Agenda

Oficina de dança afro

O quê: O Museu do Diamante realiza oficina gratuita de Dança Afro com parte da programação da 15ª Semana de Museus.
Quando: 20 de maio, às 9h.
Onde: Museu do Diamante (Rua Direita, 14 - Centro - Diamantina/MG)
Informações: (38) 3531.1382

---

Simpósio Temático: Dizer o indizível em museus

O quê: Apresentação de trabalhos/pesquisas que dialoguem com o tema da Semana de Museus.
Quando: 21/5, das 14h às 17h.
Onde: Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura (Av. Dragão do Mar, 81 - Praia de Iracema | Fortaleza - CE)
Informações: (85) 3488 8611

---

Histórias controversas: lugares do retrato

O quê: Mesa de diálogos com Mariano Klautau Filho, Heldilene Reale e convidados.
Quando: 20/5, às 19h. Entrada franca.
Onde: Espaço Cultural Casa das Onze Janelas (Praça Frei Caetano Brandão, S/N - Cidade Velha | Belém - PA)
Informações: (91) 3223 3923 | onzejanelas@gmail.com

---

Roda de Conversa sobre resistência e exclusão

O quê: Conversa entre antigos moradores e remanescentes do Areal da Baronesa e da Ilhota sobre suas vivências, histórias e memórias.
Quando: 21/5, das 15h às 20h.
Onde: Museu de Porto Alegre Joaquim Felizardo (Rua João Alfredo, 582 - Cidade Baixa | Porto Alegre - RS)
Informações: (51) 3289 8275 | museu@smc.prefpoa.com.br

---

Relatório Figueiredo e contemporaneidade: Estado, violência e a resistência dos povos indígenas

O quê: Exposição sobre o tema como parte da programação da 15ª Semana de Museus.
Quando: 16/5 a 11/8, das 8h às 17h.
Onde: Museu Rondon de Etnologia e Arqueologia (Av. Fernando Correa da Costa, 2367 - Campus Universitário da UFMT | Cuiabá - MT)
Informações: (65) 3313 7386 | museurondonufmt@gmail.com

---

Pichações Dizeres Indizíveis

O quê: Exposição com série de pichações em telas feitas pelos próprios pichadores contando seus significados e origens locais.
Quando: 15/5 a 15/6, das 10h às 17h.
Onde: Museu do Graffiti - MUG (Av. Pr. Martin Luther King Jr., 10528 - Pavuna | Rio de Janeiro - RJ)
Informações: (21) 3847 5471 | museudograffiti@hotmail.com

---