Boletim eletrônico Nº 653 - Ano XIII - 21 a 27 de julho de 2017

institutobrasileirodemuseus

www.museus.gov.br

---

MAB abre exposição fotográfica sobre cotidiano rural em Pernambuco

20116899_1445930315493834_6601847805947856377_o

Em 2016, o fotógrafo carioca João Roberto Ripper visitou Pernambuco a convite do Centro Sabiá, Organização Não Governamental que desenvolve ações de promoção e fortalecimento da agricultura familiar e camponesa, para documentar o cotidiano de homens e mulheres do campo.

O trabalho resultou na exposição itinerante “Uma deliciosa teimosia em ser feliz”, que o Museu da Abolição (MAB/Ibram), em Recife (PE), inaugura nesta sexta-feira (21).

A exposição traz registros fotográficos do cotidiano de trabalhadores rurais residentes em três territórios pernambucanos: Zona da Mata, Agreste e Sertão do Pajeú. A abertura da mostra contará com a presença do fotógrafo João Ripper e de agricultores e agricultoras que foram fotografados.

Em cartaz – Até o dia 29 de julho, o MAB exibe também a exposição “Museu da Parteira: Saberes e Práticas” – que ocupa as duas primeiras salas do museu e exibe instrumentos cirúrgicos e de sabedoria popular usados pelas parteiras na assistência ao parto.

Também segue em cartaz a exposição “Instantâneas da África”, que traz fotografias de Diego Di Niglio que contam um pouco do cotidiano em alguns países da África, desmistificando o imaginário puramente selvagem relacionado ao continente.

Outra exposição que pode ser visitada no MAB, durante o período de férias escolares, é “Respeito Afrobrasilidade”, desdobramento do Projeto Selos 2017, que trata sobre a intolerância às religiões de matriz africana e é composta por fotografias e representações materiais dessas religiões.

O Museu da Abolição fica na Rua Benfica, 1150 – Madalena, em Recife (PE). Pode ser visitado de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h, e aos sábados, das 13h às 17h. Visite a página do MAB.

 

---

Museus e suas memórias: conheça o projeto de memória institucional do Museu da República no RJ

MuseuRepublica_Entrada

Para incentivar a reflexão dos museus sobre suas trajetórias, o Instituto Brasileiro de Museus (Ibram) escolheu para  a 11ª Primavera dos Museus o tema "Museus e suas memórias".

O Museu da República (MR), no Rio de Janeiro (RJ), que integra a rede de 30 museus federais do Ibram, tem a memória institucional como uma de suas preocupações recentes.

Com o objetivo de recuperar e organizar os registros da trajetória do MR, em seus mais de 50 anos de atividades, o Programa de Memória Institucional foi criado em 2010, coordenado pelo Arquivo Histórico e Institucional do museu.

Para além do recolhimento ao arquivo de documentação existente em outros setores do museu, assim como em instituições com as quais o museu já se relacionou, em 2014 teve início a etapa de entrevistas baseada nos métodos de história oral.

A memória contada - De 1960 até hoje, foram dez diretores, em sua maioria mulheres, que marcaram presença à frente do Museu da República.

“Realizamos 12 entrevistas até agora. São cerca de 40 horas gravadas com todos os ex-diretores, a diretora atual e com servidores que, ainda na ativa, estão no Museu da República há mais de 15 anos”, explica Gleise Cruz, arquivista.

Ela conta que, desde que o projeto foi criado, é perceptível o aumento no interesse pelo material, que tem ajudado a complementar informações já conhecidas, assim como preencher lacunas relacionadas à memória institucional.

“Estamos agora transcrevendo as entrevistas para facilitar o acesso: são muitas histórias curiosas, divertidas e até emocionantes...”, aponta Gleise Cruz.

Além de recontar a trajetória do museu por meio das histórias de seus servidores, a intenção é também incorporar esse material ao acervo, na forma de documentos históricos audiovisuais, e disponibilizá-lo para consulta.

Mario Chagas, museólogo do museu, aponta a realização da exposição O museu e eu (2013) como representativa para a memória da instituição. O foco da mostra foi a memória dos visitantes no museu, considerados "patrimônio" por Chagas, a partir de fotografias e livros de assinatura. Leia texto escrito para a exposição.

O museólogo ainda cita o trabalho realizado pelo Setor Educativo em prol da memória das colônias de férias do MR, que acontecem anualmente e envolvem centenas de participantes.

Mais informações sobre o projeto de memória institucional do Museu da República podem ser obtidas pelo endereço eletrônico mr.arquivo@museus.gov.br.Visite a página web do MR.

Primavera dos Museus - Museus, instituições de memória e centros culturais interessados em participar da 11ª Primavera dos Museus devem acessar a página de Eventos Ibram, até 14 de agosto, e cadastrar online suas atividades programadas -  como exposições, palestras, seminários, shows, exibição de filmes etc. A programação é de inteira responsabilidade dos museus.

A Primavera dos Museus 2017 acontece entre os dias 18 e 24 de setembro. Outras informações podem ser obtidas pelo endereço eletrônico primavera@museus.gov.br.

 

---

Museu Regional Casa dos Ottoni (MG) comemora número de visitantes no primeiro semestre

CasaOttoni_Semanaedit

Na cidade do Serro (227 km de Belo Horizonte, Minas Gerais), o Museu Regional Casa dos Ottoni/Ibram comemora os números de visitação alcançados durante o primeiro semestre deste ano.

“Os resultados foram excelentes e tivemos o segundo melhor primeiro semestre dos últimos anos, ficando atrás apenas do ano de 2013”, explica o diretor do museu, Carlos Xavier.

Maio foi o mês em que o museu recebeu o maior número de visitantes. Quintas, sextas e sábados foram os dias mais procurados pelo público.

90% dos visitantes é de Minas Gerais – sendo que 61% do próprio Serro. Ou seja, o museu, além de sua característica regional, mostra-se também um espaço de integração com a comunidade local.

E os estrangeiros também têm aparecido: neste primeiro semestre, 80% deles foram alemães – seguidos à distância por italianos, gregos e norte-americanos.

Mapeamento - O museu finalizou o mapeamento topográfico dos objetos existentes no seu acervo: isto é, todos tiveram sua localização específica determinada. A ação é considerada essencial tanto para a segurança quanto para o controle do acervo. “Com isso foi possível a elaboração de catálogo ilustrado de todo o acervo museológico”, explica a museóloga Rosalina Assis.

O Museu Regional Casa dos Ottoni ocupa uma construção do século XVIII. Sua origem histórica está ligada aos Ottoni, descendentes de um ramo da família do bandeirante paulista Fernão Dias Paes Leme. Criado em 1949, o museu abriga acervo formado, principalmente, por imagens de arte católica e por objetos que fazem parte da história da família Ottoni e da cidade.

O museu está localizado na Praça Cristiano Ottoni, 72, e funciona de terça a sábado, das 10h às 18h; e domingos e feriados, das 8h às 12h. Outras informações pelo endereço eletrônico mrco@museus.gov.br ou pelo telefone (38) 3541.1440.

---

Museu Victor Meirelles realiza oficinas de férias em Florianópolis (SC)

MVM_Fachada_SedeTemporaria

O Museu Victor Meireles/Ibram, em Florianópolis (SC), organizou uma programação especial para o período das férias escolares. A equipe da Ação Educativa realiza atividades gratuitas voltadas aos estudantes e professores de 20 a 28 de Julho.

Estudantes de 7 a 9 anos podem participar do jogo "Era uma vez um pintor chamado Victor...", que ocorrerá nos dias 20, 25 e 27 de julho, pela manhã, e nos dias 21, 26 e 28 de julho, no período da tarde.

O jogo consiste em uma criação coletiva de histórias. Os jogadores, alternadamente, criam a história do pintor chamado Victor a partir da construção de frases e de um número determinado de palavras.

Para os professores, a equipe preparou uma oficina de capacitação, que será realizada nos dias 25 e 26 de julho. Intitulada "O lúdico como ferramenta pedagógica – o jogo Era uma vez um pintor chamado Victor...", a atividade pretende provocar os professores a usarem o espaço museológico como laboratório de experimentações, ampliando o acesso aos bens artísticos em Santa Catarina, incentivando ainda a utilização o jogo em seus planos de aula.

Mais informações e inscrições pelo endereço eletrônico mvm.educativo@museus.gov.br.  O Museu Victor Meirelles está funcionando em sede temporária, na rua Rafael Bandeira, 41, Centro da capital catarinense. Visite a página do museu.

---

Convocatória Conversaciones tem prazo prorrogado até 6 de agosto

Aplicaciones-Convocatoria-conversaciones_WEB-370x245

O Programa Ibermuseus ampliou até 6 de agosto o prazo de inscrição para a quarta edição da Convocatória Conversaciones - iniciativa bienal que apoia a realização e o intercâmbio de projetos expositivos entre instituições museais de países Ibero-americanos.

Instituições de dois ou mais países da região Ibero-americana poderão inscrever projetos de circulação de acervos e exposições.

Nesta edição, o edital tem como tema “Museus e Comunidades” e distribuirá US$ 30 mil a cada um dos projetos selecionados.

Serão selecionados dois projetos expositivos que ponham em evidência o papel social dos museus e sua relação com a comunidade, por meio do reconhecimento da memória social como um saber e um direito. Saiba mais.

Agenda

Encerramento da exposição Nervo Óptico: 40 anos

O quê: Com curadoria de Ana Albani de Carvalho, a exposição apresenta trabalhos dos artistas que integraram o grupo Nervo Óptico, além de obras de artistas que participaram das atividades anteriores à consolidação do grupo. Documentos e registros fotográficos de performances e ações do período de atuação do grupo (1976 a 1978) também são exibidos.
Quando: 22 de julho, de 14h às 17h.
Onde: Fundação Vera Chaves Barcellos (Av. Senador Salgado Filho, 8450 - Viamão/RS). Transporte gratuito saindo de Porto Alegre (Praça da Matriz).
Informações: http://fvcb.com.br/.

---

Projeto Palavra por Palavra no Rio

O quê: A próxima edição do projeto Palavra pro Palavra tem como tema “A diversas artes de Burle Marx”. Além de debate com convidados, será exibido documentário sobre o artista e suas obras, notadamente o projeto de paisagismo do Aterro do Flamengo, assim como a criação do Sítio Burle Marx.
Quando: 26 de julho de 2017, de 15h às 17h30.
Onde: Auditório da Fundação Casa de Rui Barbosa (Rua São Clemente, 134 – Botafogo – Rio de Janeiro/RJ).
Informações: http://www.casaruibarbosa.gov.br.

---

40º Simpósio anual Icofom/Icom em Cuba

O quê: “Políticas e poéticas da museologia” será o tema da edição 2017 do simpósio do Comitê Internacional para a Museologia (Icofom) do Conselho Internacional de Museus (Icom). O simpósio traz palestras, mesas redondas e outras atividades.
Quando: 25 a 29 de setembro de 2017.
Onde: Centro para a interpretação das relações culturais entre Cuba e Europa (Plaza de Armas, Havana).
Informações: http://network.icom.museum/icofom/meetings/next-conference/.

---

Cineclube no Museu da República

O quê: Exibição e discussão do documentário “Tropicália" (Brasil, 2012), realizado por Marcelo Machado. Em um panorama construído por uma miscelânea de referências, o espectador passeia pelos "férteis, polêmicos e violentos" anos que vão de 1967 a 1969.
Quando: 27 de julho de 2017, às 18h.
Onde: Auditório do Museu da República/Ibram (Rua do Catete, 153 – Catete – Rio de Janeiro/RJ).
Informações: (21) 2127.0329.

---

VIII Encontro de museus universitários do Mercosul

O quê: Organizado pela Pontifícia Universidade Católica do Peru e Icom Peru, acontece em Lima o VIII Encontro de museus universitários do Mercosul. “Temas globais em museus e coleções universitárias: diagnóstico e gestão de museus universitários” conduzirá as discussões durante o encontro.
Quando: 23 e 24 de outubro de 2017. Inscrições e envio de resumos até 30 de setembro.
Onde: Casa O’Higgins - PUC Peru (Centro Histórico de Lima).
Informações: grupoumacenperu@gmail.com.

Cursos e oficinas

Seleção para doutorado Unirio/Mast

O quê: A Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Museologia e Patrimônio da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro/Museu de Astronomia e Ciências Afins lançou o edital para o processo seletivo discente do Curso de Doutorado em Museologia e Patrimônio 2017. Serão preenchidas 10 vagas.
Quando: Inscrições de 4 de agosto a 4 de setembro de 2017.
Onde: Universidade Federal do Rio de Janeiro - Unirio (Av. Pasteur, 458 - Urca - Rio de Janeiro/RJ).
Informações: http://ppg-pmus.mast.br/.

---

Curso sobre Gestão Cultural na USP

O quê: A Cátedra Olavo Setubal de Arte, Cultura e Ciência e o Instituto de Estudos Avançados da Universidade de São Paulo selecionam até 30 interessados em acompanhar todas as atividades do ciclo Cultura, Institucionalidade e Gestão em 2017.
Quando: Serão pelo menos dois eventos por mês entre agosto e novembro de 2017. Inscrições até 23 de julho.
Onde: Espaços culturais da cidade de São Paulo.
Informações: http://www.iea.usp.br/eventos/instituicoes-culturais-i.