Boletim eletrônico Nº 667 - Ano XII -27 de outubro a 03 de novembro de 2017.

institutobrasileirodemuseus

www.museus.gov.br

---

Servidoras do Ibram lançam livros literários

thumbnail

A temática dos museus e da memória está presente em duas publicações literárias lançadas esse mês de outubro por servidoras do Instituto Brasileiro de Museus (Ibram/MinC).

Nessa sexta-feira (27), a historiadora Eneida Queiroz, lança o livro Úmida Trama. O romance narra a história de criação dos quadros “A origem do mundo”, do realista francês Gustave Courbet, e “Leitura”, do brasileiro José Ferraz de Almeida Junior.  O evento de lançamento acontece no Rio de Janeiro, na Livraria Arlequim, às 18h.

Este é o segundo livro da historiadora, que dedica-se a dar vida a personagens dos museus e da história brasileira. Seu primeiro livro, “A mulher e a casa” retrata o amor entre uma escravocrata e um abolicionista no século XIX.

Outra servidora do Ibram, a museóloga Luciana Palmeira, também lançou seu primeiro livro este mês, em parceria com a também museóloga Cássia Valle. Calu: uma menina cheia de histórias aborda de forma lúdica criativa e transformadora as memórias da ilha da Boca do Rio, contadas por uma menina, que foi habilitada por seus avós - griots, detentores do passado e da ancestralidade - para ser uma nova narradora e propagadora das histórias, das personagens, dos costumes e dos modos de agir de matriz africana que se tornou parte constitutiva da diversidade cultural do lugar.

Calu está a venda no site da Editora e Úmida Trama pode ser adquirido na Livraria Arlequim, no Rio de Janeiro, e-book pela Amazon ou direto com a autora através do e-mail eneidaqueiroz2002@yahoo.com.br.

---

MNBA recebe mostra de gravuras da Coleção Itaú Cultural

Acervo de Artes Banco Itaú

O Museu Nacional de Belas Artes (Ibram/MinC), no Rio de Janeiro, recebe até 18 de fevereiro de 2018, a exposição Imagens Impressas: um Percurso Histórico pelas Gravuras da Coleção Itaú Cultural.

Com curadoria de Marcos Moraes, a mostra mapeia cinco séculos da produção gráfica europeia, com mais de 140 das 451 imagens impressas que compõem este acervo. São apresentadas, de forma didática, as diferentes técnicas de gravuras dos séculos XV a XIX.

O acervo acompanha a evolução das técnicas, suas inovações e o desenvolvimento de uma linguagem gráfica. Há desde xilogravuras – imagens produzidas a partir de matrizes de madeira – do século XV até obras do século XIX, quando a gravura chegou à sua autonomia. A exposição já passou por Santos, Curitiba e Fortaleza antes de chegar ao Rio.

---

Ibermuseus abre inscrições para Seminário Internacional

O Programa Ibermuseus abriu inscrições para o Seminário 10 anos de cooperação entre museus: Museologia ibero-americana e a Declaração de Salvador, que acontece nos dias 29 e 30 de novembro no Centro Cultural Banco do Brasil, em Brasília. Consulte a programação completa nesse link.

 

Ápice das comemorações dos 10 anos da assinatura do documento, o Seminário será o espaço de debate para alguns dos temas mais relevantes da atualidade para os setor museal na região.

Durante dois dias, gestores públicos e profissionais do setor se reunirão npara discutir as conquistas dos últimos 10 anos e os caminhos para o futuro da museologia da região.  O evento é aberto ao público, que para participar deve preencher ficha de inscrição disponível no Portal Ibermuseus.

As vagas são limitadas e a confirmação da inscrição assegura um lugar no auditório do CCBB até 15 minutos antes do início da sessão de cada dia.

---

Festival do Minuto recebe gifs com a temática museus

O Festival do Minuto recebe inscrições para o concurso "O que se passa no museu? ".  A proposta é que visitantes e profissionais de museus criem um gif animado com a temática. Os gifs serão exibidos no site do Festival e expostos no Centro Cultural São Paulo.

É uma proposta de reflexão do ato de visitar museu, mas também uma oportunidade de equipes que trabalham em expor o seu dia a dia por meio de imagens. As inscrições podem ser realizadas gratuitamente no site do Festival até 30 de novembro. Os melhores trabalhos receberão o Troféu Minuto.

O Festival Permanente do Minuto, que nesta edição conta com apoio do Ministério da Cultura, foi criado em 1991, em São Paulo, com a ideia de exercitar a síntese em um vídeo de até 60 segundos. O arquivo tem mais de 35.000 vídeos de diferentes temas e países.

A inclusão dos museus no festival, demonstra a ocupação de um espaço crescente da temática em ações alternativas e diferenciadas.  Saiba mais sobre o projeto.

Agendas

Colchas de Retalhos

O quê: Mostra temporária dos trabalhos realizados pelas quilteiras de Londrina que segundo Maria Ohara, uma das organizadoras, é uma forma de expor os trabalhos realizados. Estão expostas 36 colchas e materiais que são utilizados na produção das peças feitas em Patchwork, que é um trabalho artesanal que utiliza pedaços de tecidos e Quilt, que é o trabalho de acabamento decorativo da peça.
Quando: Até 31 de outubro, Sábado e Domingo (manhã: 9h00 – 11h00/ tarde: 13h30 – 17h00) Terça a sexta (manhã: 09h30 – 11h30/ tarde: 14h00 – 17h30)
Onde: Museu Histórico de Londrina (Rua Benjamin Constant, 900 - Centro (antiga Estação Ferroviária)
Informações: (43) 3323-0082

---

46ª Jornada Republicana

O quê: Compreendendo que a Revolução Russa de 1917 é um dos maiores acontecimentos históricos da Idade Moderna, a 46ª Jornada Republicana quer refletir em perspectiva crítica sobre as suas memórias, marcas e impactos no Brasil. Que evidências documentais estão presentes em acervos de museus, arquivos e bibliotecas brasileiros que guardam relações com os acontecimentos de 1917 e suas consequências na vida social, política e cultural do país?
Quando: 31 de outubro, das 18h às 20h. Entrada franca.
Onde: Espaço Multimídia do Museu da República (Rua do Catete, 153 – Rio de Janeiro, RJ)
Informações: (21) 2127-0341

---

Série de Concertos – Museu de Arte Sacras dos Jesuítas (MASJ)

O quê: Apresentação do coral da USP, Grupo Jupara com regência do maestro Alberto Cunha.
Quando: 29 de outubro, das 15h às 16h.Entrada franca.
Onde: Museu de Arte Sacra dos Jesuítas – MASJ (Largo dos Jesuítas, 63 – Centro, Embu das Artes)
Informações: (11) 4704-2654

---

100 anos da Revolução Russa: memórias, marcas e impactos

O quê: A mesa-redonda pretende promover a reflexão crítica sobre as memórias, marcas impactos no Brasil, a partir de evidências documentais em museus, arquivos e bibliotecas que guardem relações com os acontecimentos de 1917 e suas consequências na vida social, política e cultural do país.
Quando: 31 de outubro, às 18h
Onde: Museu da República - Espaço Multimídia (Rua do Catete, 153 | Rio de Janeiro – RJ)
Informações: (21) 2127.0341

 

Cursos e Oficinas

O patrimônio como vetor de desenvolvimento

O quê: Painel que será apresentado pela diretora dos museus Ibram em Goiás, Stélia Castro, como parte da programação da 1ª Conferência Municipal de Turismo da Cidade de Goiás. O intuito do painel é apresentar a relevância da memória na estrutura social e seus possíveis horizontes no desenvolvimento de uma sociedade plural e diversa.
Quando: 1º de novembro
Onde: Auditório da UEG - campus Cora Coralina (Goiás, GO)
Informações: http://www.coracoralina.ueg.br/conteudo/13323/?v=1

---

Conversando sobre Museu

O quê: Promovido pela Fundação Catarinense de Cultura por meio do Sistema Estadual de Museus (SEM/SC), o tema deste encontro será “Plano Museológico: Desafio Permanente As inscrições são gratuitas, mas limitadas para 50 participantes.
Quando: 13 de novembro, das 14h30 às 17h30
Onde: Mini Auditório do Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) da Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC | Florianópolis – SC
Informações: semsc@fcc.sc.gov.br | (48) 3664-2604 | http://www.fcc.sc.gov.br/pagina/20719/conversandosobremuseupromoveencontronaufsc